quinta-feira, 14 de julho de 2016

A GRANDEZA DO AMOR (Sebastião Cabral)




O objetivo deste livro é mostrar a grandeza e importância da mulher na vida de um homem e na estrutura familiar. Ao dar início a este livro, eu tomei o cuidado de frisar que não estou defendendo nem criticando grupo religioso algum. Eu respeito todo culto religioso, todo credo, sou cristão por convicção, mas isso não significa que quem não o é não mereça todo meu respeito, porque a religião não define o caráter da pessoa. Neste livro, eu apenas pesquisei a vida desta pessoa que descrevo. Também fiz contato com pessoas de sua família, que me passaram muitas informações a seu respeito, às quais eu agradeço, pois, sem a participação delas, eu jamais teria feito este trabalho. Este livro foi feito exclusivamente para contar a história de seu Xavier, um cidadão decente que, levado pelo desespero, pelo apego as coisas materiais, envolveu-se com uma determinada religião a fim de se livrar de seus deveres ou esconder seus desvios de conduta. Mas será que só existe Xavier em igreja evangélica? Ou será que eles estão espalhados por aí em centros espíritas? Terreiros de umbanda, barracões de candomblé e tantos outros segmentos religiosos? Dona Zélia e seu Xavier traçaram seus caminhos, baseados no amor. Esse sentimento sagrado que vence todas as barreiras e tem como pátria o seio da mulher, sem ela a vida não seria possível em nosso planeta, por isso expresso aqui meus agradecimentos às mulheres, que nos dão a vida.

Também procuro mostrar que não devemos fugir de nossos deveres, nem devemos usar a religião como rota de fuga, nem devemos querer tirar proveito dela porque as religiões foram criadas para juntar as pessoas, e não para favorecer um ou outro esperto. Xavier vai nos contar sua história.

Por: Sebastião Cabral

Nenhum comentário:

Postar um comentário