quarta-feira, 14 de setembro de 2016

CARMEN MARIA A SAGA DE UMA ALMA SENSUAL EM BUSCA DA LUZ (Anna Ponzetta)



O desejo ardeu em Carmem por muitas encarnações. Seu magnetismo cruel e envolvente foi responsável pelos mais torpes delitos e injustiças. O prazer provocou a dissolução de inúmeros lares, e a revolta em muitas mulheres. O cinismo virou esperteza, a esperteza desencadeou a astúcia e esta desenvolveu nela um forte poder de sedução, que passou a ser sua maior arma diante da vida. E assim, os débitos com a Lei foram se acumulando, vida após vida. Carmem então começou a colher os frutos de sua conduta moral: condenada à fogueira pela “Santa Inquisição”, ardeu acompanhada por um grupo de almas delituosas que passou a fazer parte da trama de sua trajetória, repleta de árduas expiações. Dentre experiências de ida e vinda, Carmem reencarna em humilde família espanhola e conhece a dor do estupro, da perda do lar em tenra idade, da separação dos pais, enfim, da vida nas ruas, sob o jugo da caridade alheia. Tem início aí a sofrida busca dessa alma para vencer sentimentos mesquinhos e ganhar a liberdade, depois de longo período de escravidão. Detalhes instigantes do esquema traçado pelo Alto para que a nova missão de Carmem tenha êxito são narrados por guardiões que amparam a sua trajetória nos dois lados da vida. Trama envolvente, que aborda temas fortes, cercados de preconceitos e tabus, que mexe com sentimentos e atavismos dos seres, e que esclarece principalmente importantes aspectos ligados às bases de um projeto expiatório, faz prender a atenção do leitor pelo dinamismo com que é narrada. Carmem Maria é um romance para muitos, mas preferencialmente para aqueles que querem aprender pela luz do esclarecimento.

Por: Anna Ponzetta

Nenhum comentário:

Postar um comentário