domingo, 25 de setembro de 2016

ONDAS DA VIDA (Osmar Barbosa)



Diz-se que, mesmo antes de um rio cair no oceano ele treme de medo. Olha para trás, para toda a jornada, os cumes, as montanhas, o longo caminho sinuoso através das ?orestas, através dos povoados, e vê à sua frente um oceano tão vasto, que entrar nele nada mais é do que desaparecer para sempre. Mas não há outra maneira. O rio não pode voltar.

Ninguém pode voltar. Voltar é impossível na existência. Você pode apenas ir em frente. O rio precisa se arriscar e entrar no oceano.

E somente quando ele entra no oceano é que o medo desaparece. Porque apenas, então, o rio saberá que não se trata de desaparecer no oceano, mas tornar-se oceano. Por um lado é desaparecimento e por outro lado é renascimento. Assim somos nós! Só podemos ir em frente e arriscar.

Tenha coragem! Avance ?rme e torne-se um lindo Oceano! Seja útil, faça-te útil. Como Daiane poderá suportar tanta dor e tanto sofrimento? Sua carreira como ficará após o nascimento de seus filhos? Seus amores? Suas paixões? Sua família? Como todos poderão ajudar Daiane a superar tantos desafios?  Onde está Léo seu maior amor? Viaje ao lado dessa história de superação e amor, onde o amor de uma mãe fala mais alto nas horas mais difíceis da vida.

Amigo leitor, você vai embarcar nessa linda história de amor e superação, onde só as transformações diárias nos tornam aptos para suportar as Ondas da Vida.

Por: Osmar Barbosa

Nenhum comentário:

Postar um comentário